Biografia de Oscar Ichazo

BIOGRAFIA DE OSCAR ICHAZO
Oscar Ichazo é o originador da teoria eneagramática conhecida como Protoanálise e baseada nas questões metafísicas: O que é a espécie humana? Qual é o Bem Supremo da humanidade? Qual é a Verdade que dá significado e valor à vida humana? Desde os primórdios da vida adulta de Oscar, estas questões formaram a base para uma busca, permanente em sua vida, para reformular as Verdades Universais e assim responder estas questões, por meio de uma pesquisa acadêmica profunda, de investigação e experiência nos campos da metafísica, da teologia, da teosofia, do tantra esotérico e da psicologia mística, com as análises sempre efetuadas nos termos modernos da anatomia, da fisiologia, da biologia, da matemática, da física e da lógica. Em 1956, Oscar formulou os princípios da Lógica Trialética, ou Lógica Integral, que são as leis lógicas da mente no ‘processo de transformar-se’ e sobre essa base originou a teoria da Protoanálise, a doutrina das Fixações e a estrutura da psique humana composta pelas dezoito Esferas da Existência e do Conhecimento.
O propósito, telos (Gr.), da Protoanálise é adquirir o Bem Supremo da iluminação e a unidade com o Divino. Isto segue a proposição central e a mais importante de Platão, que aparece no Theaetetus, onde ele afirma que o Bem Supremo consiste em adquirir, durante a vida, a ‘Semelhança a Deus’ (Gr. homoiôsis theôi). Isso define o telos platônico, ou o Propósito Supremo da vida humana e, consequentemente, a base para a Ética Integral e Objetiva. No mesmo sentido, Protoanálise é um sistema e um método que é instrumental e essencial para a realização do Bem Supremo da União Divina, conhecida como Teose (Iluminação Prístina).
Em 1956, grupos de pessoas se formaram nas cidades principais da América do Sul para estudar as teorias filosóficas originais, a percepção mística e a compreensão profunda da psique humana que Oscar estava propondo. Por catorze anos, esses grupos diferentes estudaram, processaram e experimentaram o Conhecimento Universal que ele estava ensinando. Em 1969 foram apresentadas conferências abertas ao público sobre a teoria da Protoanálise e a doutrina das Fixações no Instituto de Psicologia Aplicada de Santiago, Chile.
Depois, em 1970, um grupo formado por norte-americanos viajou para Arica, Chile e se envolveu em um treinamento de dez meses para descobrir a mente através da Protoanálise. Após esse treinamento, Oscar mudou-se para Nova York onde ensinou essa teoria e prática no Instituto Arica, entre 1971-1981. A Escola Arica foi fundada em Nova York em 1971 como uma Escola de Conhecimento, que ensina e pratica o Sistema e o Método Protoanalítico. Como um corpo e um repositório do Conhecimento Verdadeiro, a Escola é de importância fundamental para o ensino vivo da Protoanálise e para a experiência dos seus estados mais profundos, que são as dezoito Esferas da Existência e do Conhecimento. Durante esse período, muitos centros de treinamento Arica se abriram pelo mundo, para continuar ensinando o que é chamado de a Linha de Treinamentos da Escola.
Para grupos internacionais, desde 1981, Oscar continua a apresentar conferências sobre história, metafísica e teologia, além de ter publicado seis livros, nove revistas, cartas à Escola, boletins e mais de cem manuais de treinamento, assim como numerosas entrevistas e artigos. De fato, a extensão internacional dos ensinamentos Arica colocou ‘Arica’ no dicionário Webster’s New World Collegiate Dictionary, terceira edição universitária de 1994, como uma “Técnica ou programa para desenvolver a autoconsciência, a lucidez….”
Em 1991, a Sociedade dos Escritores das Nações Unidas, constituída por membros do Secretariado, Diplomatas e correspondentes que publicaram trabalhos reconhecidos sobre literatura, pensamento humano e filosofia, presenteou Oscar com o Prêmio de Excelência, “Em reconhecimento ao (seu) trabalho como filósofo, autor e educador,” e o convidou a apresentar uma conferência sobre a teoria Protoanalítica nas Nações Unidas, em Nova York. A Sociedade dos Escritores das Nações Unidas consiste de membros do Secretariado, diplomatas e correspondentes das Nações Unidas que tenham publicado trabalhos reconhecidos de literatura, pensamento humano e filosofia. Partes de sua teoria e de sua análise sobre o funcionamento de sociedades são parafraseadas on-line na Enciclopédia Britânica sob o título “The State” (O Estado).
Desde os últimos 23 anos Oscar vive no Havaí com sua esposa Sarah, que o assiste em seu trabalho de escrever livros, artigos, manuais de treinamentos, entrevistas e conferências para grandes grupos. No momento Oscar está completando o livro definitivo sobre a Filosofia Integral do sistema Arica, que inclui a Protoanálise e toda a teoria eneagramática. Há um enorme interesse na publicação dessa teoria, que tem tido um impacto profundo em círculos acadêmicos internacionais.
No Havaí, em julho de 1995, durante a Reunião do vigésimo quinto Aniversário da Escola Arica, Oscar apresentou uma série de conferências, totalizando mais de trinta horas em um período de seis dias, para aproximadamente 800 participantes. Mais três eventos ocorreram com a participação de Oscar no Havaí: A Reunião do trigésimo Aniversário da Escola Arica em 2000, uma série de Conferências para celebrar o aniversário de Oscar em 2001 e Conferências de 2004, associadas com um novo treinamento de Sistemas Hipergnósticos, que é o primeiro treinamento da Linha de treinamentos da Escola. Durante estas palestras históricas, ele apresentou o Treinamento da Velocidade—que pode ser descrito como Iluminação Súbita, no sentido mais verdadeiro do termo—além de palestras sobre a natureza da psicologia humana, únicas na história deste campo. Em julho de 2005 aconteceu a Reunião do trigésimo quinto Aniversário da Escola Arica em Maui, Havaí. Durante essa reunião, Oscar apresentou o tema da Filosofia Integral como a base de seus Ensinamentos, em um período de oito dias e em uma série de doze conferências.

 
rainbowline Copyright © 1972, 2017 de Oscar Ichazo. Usado com permissão.

Recent Posts